segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

Feliz Ano do Boi!

O ano-novo chinês é uma referência à data de comemoração de reveillon adotada por povos do Oriente, que seguem um calendário tradicional distinto do Ocidental, o Calendário chinês. Neste ano de 2009, o Ano-novo Lunar, ou Ano-novo Chinês cai hoje, dia 26 de janeiro. As diferenças entre os dois calendários fazem que a data de início de cada ano-novo chinês caia a cada ano em uma data diferente do calendário ocidental. Estamos entrando no Ano do Boi, também conhecido como Ano do Búfalo.

Os chineses relacionam cada novo ano a um dos doze animais que teriam atendido ao chamado de Buda para uma reunião. Apenas doze se apresentaram, Buda em agradecimento os transformou nos signos da Astrologia chinesa. Na mitologia oriental, o pacífico boi chegou segundo a chamada do Buda moribundo; só precedido pelo veloz rato (rata), então o boi é, pela ordem, o segundo animal do Zodíaco Chinês. A pessoa que pertence ao signo do boi, é caracterizada por grande meticulosidade e ótima capacidade de concentração no trabalho. Também segundo a crença oriental, é bom ter cuidado ao tentar afastar um nativo do boi de seus objetivos, pois quase nada do que seja dito ou feito poderá fazer com que a pessoa deste signo mude seus planos. Os nativos do boi são pouco capazes de fazer grandes surpresas, mas sem dúvida sua confiabilidade é um grande dom. Efetivamente, são pessoas consideradas dignas da máxima confiança.

Algumas celebridades do signo do boi: Dustin Hoffman, Eddie Murphy, Jack Nicholson, Bruce Springsteen, Meryl Streep, e Robert Redford.

Os doze animais do Horóscopo chinês a que correspondem os anos chineses são, de acordo com a ordem que teriam se apresentado a Buda na lenda acima citada: rato, búfalo, tigre, coelho, dragão, cobra, cavalo, cabra, macaco, galo, cão e o javali. Desta forma, se 2008 foi o Ano do Rato, 2009 é o Ano do Boi, 2010 ao Tigre, e assim por diante. No Brasil os orientais e seus descendentes também comemoram o Ano-novo Lunar. Em São Paulo, o maior centro sino-nipônico do Brasil, a festa é realizada na Praça da Liberdade, é uma festa muito alegre e bonita que atrai mais de 100 mil pessoas. No Rio de Janeiro, a comemoração é feita na colônia oriental de Santa Cruz que é o bairro onde mais existem chineses em toda a América Latina. A celebração também acontece na Tijuca e no bairro oriental da Rua da Alfândega, localizada na região da Saara. Porém nesses ultimos anos, o lugar mais esperado e visitado nessa data é a Vista Chinesa, que está localizada na Floresta da Tijuca, na subida do Cosme Velho, onde há um grande encontro de chineses e turistas.

Na Índia, o Ano-novo Lunar também é comemorado, na novela também deveria ser, afinal a Índia têm uma população de aproximadamente 9 milhões de budistas. Seria mais do que justa a homenagem, pois apesar de a maioria da população indiana ser Hinduista, Sidarta Gautama ou Siddhartha Gautama foi um príncipe que viveu por volta de 563 a.C. até 483 a.C., no reino de Śākya - que hoje em dia faz parte da fronteira do Nepal com a Índia.
सिद्धार्थ गौतम

Nenhum comentário: