terça-feira, 30 de junho de 2009

Avião com 153 a bordo cai na África

Mais um triste desatre aéreo abala o mundo. O avião Airbus A-310, voo 626 da Yemenia Air, partiu de Paris para as Ilhas Comores, no Sudeste da África. A aeronave caiu no Oceano Índico, no litoral leste da África, próximo ao aeroporto de Moroni. Milagrosamente, segundo divulgado inicialmente, uma criança com 5 anos de idade foi resgatada com vida; mais tarde soube se tratar de uma jovem com 14 anos de idade que passa bem. Veja na reportagem do Bom Dia Brasil:

domingo, 28 de junho de 2009

Golpe militar em Honduras

A reação internacional ao golpe militar em Honduras em 2009 foi extremamente negativa. Todas as nações das Américas, a União Europeia condenaram publicamente a remoção forçada do presidente de Honduras Manuel Zelaya pelo Exército; muitos se referiram à ação como um golpe de estado. 

Dez países da América Latina, assim como todos os países-membros da União Europeia concordaram em retirar seus embaixadores de Honduras até que Zelaya volte ao poder. 

A Venezuela suspendeu o envio de petróleo ao país e os vizinhos de Honduras — El Salvador, Guatemala e Nicarágua — suspenderam o comércio por terra por 48 horas. O Banco Mundial e o Banco Interamericano de Desenvolvimento pausaram seus empréstimos ao país.

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse que "acreditamos que o golpe não foi legal e que Zelaya continua sendo o presidente de Honduras". Dentre as reações mais fortes, estava a do presidente venezuelano Hugo Chávez, que prometeu derrubar o novo governo. 

Organismos internacionais, como a Organização dos Estados Americanos, a Alternativa Bolivariana para as Américas, o Mercosul, a União de Nações Sul-Americanas e a Organização das Nações Unidas também condenaram a ação. A ONU aprovou uma resolução no dia 30 de junho condenando o golpe e pedindo a seus 192 Estados-membros que não reconheçam nenhum governo que não seja liderado por Zelaya.

Assim sendo, nenhuma nação declarou apoio às ações militares em Honduras nem reconheceu o novo presidente. Representantes do presidente interino Roberto Micheletti disseram que o novo governo tinha recebido o apoio de Israel e Taiwan, mas os governos destes países negaram de forma veemente. Em 4 de julho, Honduras foi suspensa da OEA por 33 votos de 34 possíveis.

Saiba mais: Golpe militar em Honduras em 2009 (fonte: Wikipédia, a enciclopédia livre)

sexta-feira, 26 de junho de 2009

A confirmação da morte de Michael Jackson

O Rei do Pop foi socorrido em casa e levado ao hospital de Los Angeles, na tarde de ontem (25/06), aonde deu entrada as 13h13 do horário local. Michael Jackson, segundo divulgado, teve uma parada cardíaca. Segundo noticiado ele já teria chegado ao hospital sem vida. O astro deixa a vida na Terra aos 50 anos de idade, e a véspera de iniciar nova turnê na Inglaterra. Nesta sexta-feira durante a tarde o IML de Los Angeles deve divulgar boletim confirmando a causa mortis oficial de Jackson. O cantor, que já faz parte da história, deixa órfãos 3 filhos e milhões de fãs ao redor do mundo. Assista logo abaixo, o momento da triste notícia que confirmou a passagem deste grande ídolo de toda uma geração:


Fonte: http://video.globo.com - (Vídeo Livre)

quinta-feira, 25 de junho de 2009

Morre a atriz Farrah Fawcett

Mary Farrah Leni Fawcett, popularmente conhecida como Farrah Fawcett, nasceu em Corpus Christi, E.U.A., no dia 2 de fevereiro de 1947. A atriz do seriado clássico 'As panteras' estava internada em estado grave havia dias, e, veio a falecer hoje na cidade californiana de Santa Mônica. Farrah foi uma das mais famosas e belas atrizes e modelos norte-americanas e é considerada o maior símbolo sexual feminino da década de 70. Farrah Fawcett tinha 62 anos e lutava contra um câncer no sistema digestivo. Confira a reportagem completa no vídeo livre do jornalístico 'Em Cima da Hora':

segunda-feira, 22 de junho de 2009

Brasileirão - Os gols da 7ª rodada

Assista neste vídeo livre os 43 gols do final de semana passado. Flamengo, Corinthians, Atlético-MG, Barueri, Avaí, Coritiba, Vitória e Santo André venceram as partidas que disputaram. Grêmio, Goiás, Atlético-PR e Palmeiras ficam apenas no empate. Confira:

sexta-feira, 19 de junho de 2009

A crise deixou você mais endividado?

O preço do leite, do pão e da carne são absurdos, são generos alimentares de 1ª necessidade. Os juros cairam mas os bancos continuam esfolando seus clientes, as operadoras de cartão de crédito ídem.

Você compra um carro financiado e paga quase dois! Depois estas instituições financeiras vêm com aquele blá, blá, blá que o 'spread' é alto por causa do risco... isso parece uma afronta a inteligência do brasileiro que honra seus compromissos.

O endividamento da classe trabalhadora só vai aumentar com a atual política financeira, na qual as instituições financeiras cobram o que querem pelo dinheiro que emprestam. Isso é uma bolha! Fica toda essa euforia com bolsa de valores aonde só ganha dinheiro quem tem muito pra investir, e a classe produtiva fica como?

Ganhar dinheiro comprando e vendendo papéis, sem produzir nada, é injustiça social qualificada. Os salários são baixos e os lucros das empresas vultuosos. Cadê a reforma tributária? Dívidas, parece que é só isso que o brasileiro consegue ganhar trabalhando.

quarta-feira, 17 de junho de 2009

ONU pede ‘revolução energética’ para enfrentar o aquecimento global

Criar agenda mundial que permita transformação é o objetivo dos 500 especialistas que se reúnem em Viena

Mais de 1,6 bilhão de pessoas não têm acesso à eletricidade e o planeta enfrenta uma mudança climática por causa do uso excessivo dos combustíveis fósseis, uma dupla realidade que a ONU pediu nesta segunda-feira, 22, que seja enfrentada através de uma “revolução energética” para abrir o mundo às energias limpas.

Criar uma agenda mundial que permita essa transformação é o objetivo dos 500 especialistas que se reúnem até quarta-feira, 24, em Viena para tentar desenhar um futuro com menos emissões poluentes e com mais “justiça energética”. Matéria da Agência EFE.

O pedido foi feito por Kandeh Yumkella, diretor-geral da Organização das Nações Unidas para o Desenvolvimento Industrial (Onudi), na abertura do encontro.

Ao falar sobre as medidas adotadas para reduzir as emissões de gases do efeito estufa, o diplomata leonês citou o Brasil como um exemplo de aplicação das atuais tecnologias para reduzir o problema.

Por outro lado, ele destacou o “vínculo entre baixa renda e pobreza energética” e assegurou que o acesso à energia é o “objetivo perdido” dentro dos Objetivos do Milênio da ONU, com os quais a organização quer combater a pobreza e o subdesenvolvimento antes de 2015.

Yumkella afirmou que “acesso à energia e mudança climática são duas faces de uma mesma moeda.”

Ele destacou ainda a necessidade de uma “revolução energética” que dê aos habitantes dos países em desenvolvimento acesso à energia, enquanto são potencializadas fontes alternativas, incluindo a nuclear.

Nesse sentido, afirmou que entre as tarefas da Onudi está evitar que os países em desenvolvimento cometam os mesmos erros que as nações ricas durante seu processo de industrialização.

Já o presidente do Painel Intergovernamental sobre Mudança Climática (IPCC) da ONU, Rajendra Pachauri, afirmou que a revolução deve ser “dramática e acontecer muito em breve.”

Essa transição terá que ser feita rapidamente, já que, segundo este especialista, “se a intenção é estabilizar o aumento de temperatura (do planeta) em dois graus Celsius”, o crescimento das emissões de gases do efeito estufa deve se reduzir antes de 2015.

Além disso, lembrou, hoje em dia já há muitos países em desenvolvimento que não podem arcar com os preços do petróleo.

Os especialistas reconheceram que nesta mudança a atual crise econômica terá um impacto grande e que já foi possível notar uma redução, em alguns casos de até 40%, nos investimentos em energias limpas.

Este é um dado preocupante, já que o diretor da Onudi afirmou que as quedas de investimento industrial podem demorar até cinco anos para ser recuperadas.

“Por isso, dizemos que o amanhã é hoje. Temos que começar agora”, advertiu Yumkella, que inclusive viu na crise econômica uma oportunidade para essa “revolução da energia verde”.

Por sua parte, Pachauri, que em 2007 recebeu o Prêmio Nobel da Paz em nome do IPCC, lembrou que, se continuarem a ser ignorados “os sinais do que está acontecendo, vai haver crise em diversas zonas do mundo”.

Além disso, os dois representantes das Nações Unidas insistiram em que o investimento em energias renováveis é uma fonte de negócio e de emprego que pode ajudar a acelerar a recuperação econômica.

Pachauri calculou em US$ 50 bilhões ao ano o investimento necessário para desenvolver novas formas de acesso energético, um valor que vários presentes à conferência consideraram pequeno, em comparação com os pacotes de resgate de empresas e bancos aprovados pelos Governos de países ocidentais.

O economista ressaltou que os países desenvolvidos devem estabelecer suas “prioridades” e advertiu que o mundo “terá que enfrentar situações muito piores” se não forem adotadas medidas para combater o problema.

“Não podemos seguir fingindo que nosso estilo de vida é sustentável”, ressaltou.

Nesse processo, Yumkella expressou esperanças de que a conferência da ONU que será realizada em dezembro em Copenhague acabe com um acordo internacional para limitar as emissões de gases do efeito estufa.

* Matéria da Agência EFE, no Estadao.com.br.

terça-feira, 16 de junho de 2009

Dr. Fritz - "Palavras de um general" - Garagem do Faustão

Está na 'Garagem do Faustão' a banda Dr. Fritz, formada em Janeiro de 2007 no Rio. A formação do Dr. Fritz é composta por Dilan Marko (Vocal), Beto Lefevre (Guitarra), Marcos Buca (Baixo), Nazo Belém (Batera). Curta o hit "Palavras de um general":

domingo, 14 de junho de 2009

Bodyboard - point perfeito em Copa

Com formações sobre as pedras, o Shorebreak é perigoso e pode machucar os vacilões. O surfista Guilherme Tâmega revelou, ao Esporte Espetacular, esse lugar escondido na praia de Copacabana - Rio de Janeiro. As ondas são perfeitas para a prática do bodyboard.

segunda-feira, 8 de junho de 2009

sábado, 6 de junho de 2009

As Gostosas e os Geeks - love's in the air

Na semana dos namorados, que começa amanhã, nada como encontrar inspiração no reality "As Gostosas e os Geeks". Depois da transformação, os geeks estão com a bola toda, loucos pra pegar uma das gostosas...

sexta-feira, 5 de junho de 2009

Catástrofe do vôo AF 447 ainda é mistério

A FAB confirmou que as partes recolhidas no oceano não pertencem a aeronave acidentada. O Ministro dos Transportes da França pediu que as autoridades tomem mais cuidado com as informações divulgadas ao público. A tragédia com o vôo Rio-Paris da Air France continua cercada de mistério, confira na reportagem do 'Em Cima da Hora' incorporada hoje da Globo.com:

quinta-feira, 4 de junho de 2009

A catástrofe do vôo AF 447 - Possíveis causas

O canal 'Globo News' divulgou ontem matéria na qual especialistas estudam nova possibilidade para o acidente com o vôo Rio-Paris da Air France.

A aeronave tinha três unidades de referência de dados, aparelhos que enviam informações ao computador de bordo para corrigir a navegação. Acontece que o Airbus pode ter seguido orientações erradas destes equipamentos, fato que pode ter causado o acidente. Entenda assistindo a reportagem:

quarta-feira, 3 de junho de 2009

Vôo AF 447 enfrentou tempestade antes de cair

Segundo imagens de satélite o Airbus enfrentou uma tempestade de 150 km; o avião teria levado 12 minutos, enfrentando forte turbulência, tentando sair dela antes de cair no mar. As buscas pelos desaparecidos continuam, já foi achado um pedaço com 7 m de diâmetro, entre outros destroços, porém até agora nenhum corpo. O local onde foram encontrados os pedaços da aeronave, e uma mancha de combustível com 20 km, fica a 150 km do arquipélago São Pedro e São Paulo, distante 1.010 quilômetros do litoral do Rio Grande do Norte, é uma das zonas mais hostis do Oceano Atlântico.



Fonte: Globo Vídeos / Jornal da Globo

terça-feira, 2 de junho de 2009

Vôo AF 447 - Avistados destroços em alto mar

O Ministério da Defesa confirmou que a FAB avistou material metálico em alto mar, a 650 km de Fernando de Noronha. Os destroços, ao que tudo indica, podem ser do avião da Air France. Acompanhe as últimas informações sobre a movimentação das equipes de resgate no Recife.

segunda-feira, 1 de junho de 2009

[LUTO] Avião da Air France desaparece com 228 a bordo

O vôo AF 447 que ia do Rio de Janeiro para Paris, um Aibus 330-200 com 228 passageiros a bordo, sumiu dos radares no Atlântico provavelmente no perímetro dos continentes Europeu e Africano. Especula-se que a aeronave pode ter sido atingida por raio. Entre os 228 ocupantes da aeronave estavam 216 passageiros e 12 tripulantes; há um bebê, sete crianças, 82 mulheres e 126 homens. A companhia disse que a aeronave estava em uso desde 2005, tinha 18.870 horas de voo e passou por manutenção técnica pela última vez em 16 de abril. Veja no vídeo abaixo a reportagem do G1 (Em Cima da Hora):