segunda-feira, 19 de setembro de 2011

'A História das Coisas': A Verdade Sobre o Consumismo

A História das Coisas é versão brasileira do documentário The Story of Stuff, de Annie Leonard:

O que é História das Coisas ?

Já se perguntou de onde vem todas as coisas que compramos e para onde elas vão quando as descartamos? As coisas se deslocam através do sistema... parece que está tudo bem mas na verdade o sistema está em crise, porque trata-se de um sistema linear. Vivemos em um mundo finito, no qual os recursos naturais de que precisamos para viver não são inesgotáveis. Da extração e produção até a venda, consumo e descarte, todos os produtos em nossa vida afetam comunidades em diversos países, a maior parte delas longe de nossos olhos.

História das Coisas é um documentário de 20 minutos, direto, passo a passo, baseado nos subterrâneos de nossos padrões de consumo.

O filme, produzido e filmado em 2007, revela as conexões entre diversos problemas ambientais e sociais, e é um alerta pela urgência em criarmos um mundo mais sustentável e justo. Annie Leonard nos ensina muita coisa, nos faz rir, e pode mudar para sempre a forma como vemos os produtos que consumimos em nossas vidas. O roteiro é de Louis Fox, Annie Leonard e Jonah Sachs, com direção de Louis Fox.

A versão dublada em português foi idealizada pela comunidade Permacultura, do Orkut. Realizada nos Estúdios Gavi New Track - SP. Com direção e edição de Fábio Gavi; Locução Nina Garcia; adaptação do texto Denise Zepter.



A verdade liberta!

Fonte: http://video.google.com.br/videoplay?docid=-7568664880564855303&hl=pt-BR

2 comentários:

Simone MartinS2 disse...

Bom dia, acehei interessante, mas quem consegue ficar sem nada disso, que jogue fora primeiro todos os teus bens materiais que prejudicam a nossa Mae Gaia(Terra).
No caso, como voce conscientizaria o mundo se nao fosse aqui por esta telinha que todos julgam gelada? E no entanto, voce a esta usando nao e mesmo?? Então, jogue tudo fora e depois arranje uma forma para novas divulgações...De o primeiro passo e quem sabe, teras seguidores, afinal, frei francisco so existiu um ate agora?? Abraços e me desculpe, pois acho pura hipocresia falar de consumismo, sendo o proprio a consumir!

Anônimo disse...

Simone, vou te dar um exemplo bem simples:

Hoje em dia existe iPhone, iPad e iPod. Pra que ter os três se tem tudo isso no iPhone e ele ainda faz chamadas telefonicas?

outro: muita gente precisa de carro, então pra ter um carro com tração nas 4 rodas, que consome muito combustível, se você provavelmente nunca (em uma cidade) vai usar a tal tração?

e outro pra quê ter uma centena de pares de sapato se você não vai usar todos,

ou ainda pra que ter um desktop e um laptop quando você pode chegar em casa e colocar seu laptop sobre a mesa e usar como se fosse um desktop?

Bom seguindo este raciocínio - lógico - você vai ver que os exemplos, como estes, são praticamente inesgotáveis em uma sociedade consumista, que compra bens por impulso ou só pra satisfazer aquela criança interna que diz: "eu tenho e você não tem".

Me desculpe mas sua teoria é furada minha amiga.

Os recursos são finitos e enquanto você compra uma roupa de grife milhares morrem de fome, ao passo que outros são escravos modernos que costuram sua roupa de grife, que na verdade se tirar a marca é igual e serve ao mesmo propósito que a roupa que tem marca 'famosa'.

Captou?